Meus favoritos abril de 2019

Mais dois meses sem favoritos, decidi que vou postar quando der na telha, porque olha, nem sempre a criatividade está em alta para escrever um post, viu? As vezes eu nem lembro direito o que fiz no mês e bate aquela preguicinha de tentar lembrar. Mas vamos lá pros meus favoritos do mês de abril?

 

O que ouvi em abril

Depois do show do Bring Me The Horizon no Lollapalooza, que eu vi pela TV e não porque estava lá, eu só consegui ouvir várias músicas deles, com direito as antigas, de quando eu era emo, hahaha. A melhor é Happy Song pelo viciante “S.P.I.R.I.T.”. Também sigo viciada em Mother Tongue e Shadow Moses deles. Seguindo esse clima de nostalgia, aproveitei pra me atualizar com músicas mais novas do Simple Plan. Sing in the Rain já tocava no repeat da minha vida, mas Boom é uma deliciosa descoberta. Ainda entraram na minha playlist Five Finger Death Punch – Wash It All Away, recomendada pelo YouTube. Ainda tenho ouvido muito Disturbed, em especial Univited Guest. E graças ao noivo, tenho ouvido Sepultura – Roots Bloody Roots. E para pagar língua, já que não gosto de Nirvana, o boy também me apresentou In Bloom deles, lógico que tá num repeat eterno aqui.

 

O que assisti em abril

Assisti a terceira temporada de Santa Clarita Diet. Ainda não terminei Ordem na Casa com Marie Kondo, mas segui vendo um episódio lá de vez em quando. E Game of Thrones, lógico! Pouca coisa esse mês.

 

O que li em abril

Ganhei Drácula de Bram Stoker do meu noivo de aniversário e foi ele que me acompanhou em abril. Também comecei a ler Tudo o que nunca contei da Celest Ng. Comecei e terminei o livro Amor a céu aberto, da Flora Figueiredo.

 

O que joguei em abril

Se nos meses anteriores eu estava viciada em 8 Ball Pool e Song Pop, nesse mês isso acabou. Motivo: ganhei um notebook gamer da mamãe, ou seja, jogos para PC não faltaram. O único jogo que estou jogando pelo celular é UNO, porque as vezes a gente precisa de umas cartinhas...

Voltei a jogar The Sims 4, mas como contei num post esses dias, sigo preferindo o 3. Também joguei Final Fantasy XV, Life is Strange (episódio 1 e 2 concluídos, estou no meio do 3), tentei jogar League of Legends, também por influência do noivo, mas não consegui me adaptar (ainda!). Também joguei GRIS, o jogo não é tão bom, mas gente, que beleza as imagens! Tentei jogar Mu Legend pela nostalgia já que eu era uma ótima jogadora do seu antecessor, Mu Online. Mas não gostei muito desse novo, então parei sem dar muita chance para o jogo.

E vocês, o que andam lendo, assistindo, jogando e ouvindo?

Postar um comentário

0 Comentários