20 de abril de 2018

Apanhado de Links #15

Olha a sumida que decidiu aparecer! Pois é... e só pra publicar um post que estava salvo nos rascunhos com muitos links bons... lá vai:



1 - Eu podia tentar resumir sobre o que "Dapper Dan x Gucci: o homem que subverteu o plágio" fala, mas fiquem com essa frase retirada de lá: “O curioso é observar como determinados personagens trocam de posição nessa história, que têm desfechos no mínimo inesperados. Recentemente, a Vuitton fez parceria com a Supreme, marca que ela processou por plágio anos atrás. Por sua vez, a Gucci — uma das marcas de luxo que fez a Dapper Dan fechar — hoje, tenta chamar a atenção de uma geração imersa no hip-hop inspirando-se exatamente no trabalho deste talentoso fora-da-lei da moda. São as artes do plágio em vestes ardilosas de homenagem.”

2 - Eu adoro ler sobre figurinos! Que delícia foi saber que a figurinista de Game of Thrones, Michele Clapton, usou uma técnica e transformou tapetes suecos nas capas da Guarda da Noite. Para sermos Jon Snow, precisamos apenas comprar um tapete sueco e mandar para uma costureira transformá-lo em capa, que tal? Leia mais em “Upcycling com Jon Snow”.

3 - “Moda não é só uma ferramenta para parecer mais alta e magra (ainda bem)” reflete sobre o papel da moda em nosso visual e nos mostra que podemos (e devemos) usá-la ao nosso favor.

4 - Uma crítica bem verdadeira sobre o sexto episódio da sétima temporada de Game of Thrones. Onde foi que a série se perdeu tanto? “'game of thrones': beyond the wall e o dia em que todos concordaram que a série se perdeu” analisa as cenas absurdas do ep.

5 – Ainda faland em GoT, temos esse artigo lindo, “La evolución del estilo de Daenerys Targaryen alcanza su punto más alto con este maravilloso abrigo” fala sobre a evolução na vestimenta de Daenerys Targaryen ao longo das temporadas de Game of Thrones. Aliás, entre tantos pontos negativos da sétima temporada, o figurino com certeza não foi um deles. Cersei que o diga!

6 - Por em figurino arrasador da Cersei, tem texto ilustrado da Lillian Pacce falando sobre “O figurino das Rainhas de Game of Thrones

7 - Em “Ambientação: por que a roupa importa?” temos uma aula sobre a importância do figurino em livros (séries e filmes também entram aqui). Não pude deixar de relacionar com a vida real: a roupa passa muitas informações sobre a pessoa que a veste.

8 - “George Orwell estava certo” faz uma reflexão que liga nossa realidade com o livro 1984. Nós sabemos que George Orwell descreveu bem nossos dias, mas sempre é assustador relembrar.

9 - Atwood sobre o que significa O conto da Aia na era Trump é a tradução de um artigo do The New York Times, publicado em março de 2017. Nele, Margaret Artwood conta sobre suas inspirações para escrever O Conto da Aia e reflete sobre a ligação da história com nossa realidade.

10 - O Last.fm foi a única rede social musical que prestou pra alguma coisa – a única coisa que eu espero é que o LAST.FM NUNCA acabe, porque não sei como sobreviver sem meus registros musicais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário